Conheça 3 tipos de massagem e seus benefícios

No nosso dia a dia, passamos por várias situações de estresse. Um dos melhores meios para aliviar toda essa tensão, é a massagem. No entanto, você sabia que esse procedimento também pode ser utilizado para resolver várias outras questões?

Existem vários tipos de massagem que utilizam técnicas diferentes e oferecem benefícios diversos. Você sabe a diferença entre a relaxante, a modeladora e a drenagem linfática? Não? Então continue lendo nosso post e descubra!

1. Massagem relaxante

Muito procurada por quem quer amenizar as tensões do corpo. Ela é feita utilizando as mãos, principalmente com movimentos lentos, suaves com baixa ou média pressão. Proporciona relaxamento muscular e melhora a circulação sanguínea.

Durante a realização da massagem, o corpo libera ocitocina e outros hormônios antiestresse. Por isso, ao final do procedimento, nos sentimos mais leves e descansados. Além disso, ela fortalece o sistema imunológico e diminui a ansiedade e a insônia.

A fim de potencializar o efeito relaxante, podem ser utilizados cremes especiais, óleos aromáticos, músicas e um ambiente de pouca luz.

2. Drenagem Linfática

É uma das mais conhecidas nos tratamentos estéticos. Ajuda na eliminação de líquidos e toxinas retidos no corpo, reduzindo inchaços e equilibrando as funções metabólicas.

São utilizados movimentos sutis que estimulam a circulação sanguínea e linfática, desobstruindo os gânglios linfáticos. Alguns dos seus benefícios são:

  • tratamento de gordura localizada e celulite;

  • prevenção de varizes;

  • fortalecimento do sistema imunológico.

É indicada para quem passou por intervenções cirúrgicas, como abdominoplastia, lipoaspiração, colocação de silicone e, também, após o parto, pois auxilia na cicatrização.

Por estimular a perda de líquidos, é comum que após a sessão você sinta mais vontade de ir ao banheiro. A drenagem linfática não é recomendada para pessoas que estejam com febre, infecções, dermatites e processos alérgicos agudos.

3. Massagem modeladora

Ao contrário das outras duas massagens, esta é feita com movimentos rápidos e intensos, com o objetivo de esculpir o corpo e reduzir medidas. Esses estímulos manuais melhoram a circulação do sangue e o metabolismo, auxiliando a perda de gordura.

Além disso, ela ajuda no tratamento contra celulite de grau leve e moderado, principalmente, nas regiões das coxas, quadril e barriga. Para melhorar os resultados, a esteticista pode utilizar cremes que ajudam na queima da gordura localizada.

Após as primeiras sessões, você pode sentir o corpo dolorido e, até, alguns hematomas leves, dependendo da intensidade dos movimentos aplicados. Os resultados da massagem modeladora variam de pessoa para pessoa e são intensificados com uma boa alimentação e exercícios físicos.

Pessoas com problemas do coração e com varizes não devem fazê-la, pois ela promove a vasodilatação e pode aumentar a pressão arterial. Grávidas também são contraindicadas para essa massagem.

Agora que você sabe diferenciar esses três tipos de massagem, não perca tempo e marque um horário em uma clínica de estética. Lembre-se de que, antes de escolher o procedimento, é importante conversar com um profissional da área para identificar seu problema, assim ele poderá indicar o melhor tratamento.

Se está interessada em saber mais como se cuidar melhor, confira o nosso post sobre como cuidar dos seus cabelos e evitar a queda!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"