Como desencravar unha: 5 cuidados que você deve tomar

unha encravada

Desencravar unha pode parecer uma tarefa fácil, mas é importante tomar algumas precauções antes de fazê-lo. Sensível e predisposta a infecções, a unha encravada pode inflamar. Por isso, para realizar o processo de desencravar é necessário tomar muito cuidado.

Se você está passando por isso e tem dúvida se pode realizar o processo com sua manicure, ou se precisa desencravar unha na podóloga, nós vamos te ajudar. Neste artigo você vai descobrir como desencravar unha inflamada e sem inflamação. Além disso, vamos mostrar quais são os cuidados necessários para evitar que isso volte a acontecer. Acompanhe!

Unha inflamada: quando procurar um podólogo?

A manicure tem todos os treinamentos necessários e sabe como desencravar unhas com facilidades. O podólogo tem o aparelho para desencravar e pode ajudar em diversos outros problemas nos pés e mãos. Mas, quando a unha encravada inflamada a melhor solução é o dermatologista. Isso mesmo! Muitas pessoas acreditam que a inflamação é um problema passageiro, mas ele pode ser mais sério do que parece e apenas um médico pode orientá-lo corretamente. 

Como saber quando é necessário procurar o dermatologista para desencravar unha?

O dermatologista é indicado em casos de:

  • Diabetes;
  • Unha muito encravada, inflamada e com pus;
  • Dedo muito inchado;
  • Circulação parecer estar presa;
  • Lesões na região afetada ou sinais de má circulação sanguínea.

Unha encravada com pus

A unha encravada com pus não deve ser tratada em casa, por manicure ou podólogo. Para tratá-la será necessário o uso de medicamentos. Por isso, o único profissional capacitado para prescrever os remédios necessários é o médico dermatologista. Para tratar a unha com pus você vai precisar de:

  • Pomadas antibióticas para colocar na unha e tratar a infecção, antes de cortá-la;
  • Levantar a unha e colocar um pouco de algodão ou gaze;
  • Em alguns casos, cortar os cantos da unha, removendo os pedacinhos de unha que encravaram na pele.

Cirurgia para desencravar unha

A cirurgia é indicada em casos onde há frequência de encravamento. Caso o tratamento convencional não resulte em melhora e haja  carne esponjosa no local, a cirurgia pode ser a única opção. A cirurgia pode ser feita:

  1. Com anestesia local e, na maioria dos casos, não é necessário retirar toda a unha;
  2. Com aplicação de um ácido, como o nitrato de prata, que destrói parte da unha que estava encravada.

Como desencravar unhas com facilidades?

Existem diversos métodos para desencravar unhas. Caso a sua unha não esteja inflamada é possível fazer o procedimento sozinha ou com a ajuda de uma manicure. Se você é diabético, consulte um médico e, não tente tirar a unha encravada em casa.

Como desencravar unha do pé

Vamos mostrar como desencravar unha do pé passo a passo, acompanhe:

1° passo: Deixe o pé de molho em uma mistura de água quente 

Mantenha os pés na água por 15 a 30 minutos mergulhados em água quente (o máximo que você puder suportar) e sulfato de magnésio. Repita o procedimento 2 duas vezes por dia. Com isso, você consegue amolecer a unha e impedir que ela fique infeccionada.

2° passo: Separe o material necessário tratar unha encravada

Para retirar a unha encravada você vai precisar de:

  • Uma bola de algodão;
  • Um par de pinças;
  • Uma ferramenta de remoção.

3° passo: Mantenha a unha ligeiramente erguida

Para isso, você vai precisar colocar um pequeno pedaço de algodão entre a unha e a pele para impedir que a unha encravada volte. 

  • Remova uma pequena parte do algodão com a pinça;
  • Segure o pedaço de algodão com a pinça e coloque-o no canto da unha encravada;
  • Empurre o algodão sob a unha na extremidade (o algodão deve formar uma pequena bola debaixo da unha);
  • Remova o algodão diariamente para limpar o local.

Se a unha estiver inflamada, consulte o médico para que ele possa indicar uma pomada anti-inflamatória.

Como desencravar unha da mão

Se você cutucar a unha da mão e ela acabou inflamando nós vamos te ajudar. Veja o passo a passo de como curar a inflamação da unha da mão encravada:

1° passo: Deixe a mão de molho em uma mistura de água quente 

Mantenha as mãos na água por 15 a 30 minutos mergulhados em água quente (o máximo que você puder suportar) e sulfato de magnésio. 

2° passo: Separe o material necessário tratar unha encravada

Para retirar a inflamação da unha você vai precisar de:

  • Uma bola de algodão;
  • Uma agulha;
  • Uma ferramenta de remoção.

3° passo: Faça um pequeno furo na lateral do dedo

No canto do dedo onde se encontra a inflamação. Faça um pequeno furo entre a pele e a unha e retire todo o pus. Lembre-se de higienizar a agulha antes de usá-la.

4° passo: Mantenha a unha ligeiramente erguida

Para isso, você vai precisar colocar um pequeno pedaço de algodão entre a unha e a pele para impedir que a unha encravada volte. 

  • Remova uma pequena parte do algodão com a pinça;
  • Segure o pedaço de algodão com a pinça e coloque-o no canto da unha encravada;
  • Empurre o algodão sob a unha na extremidade (o algodão deve formar uma pequena bola debaixo da unha);
  • Corte o pedaço de unha encravada.

5° passo: Faça um curativo

Após remover a unha encravada, faça um curativo para evitar que volte a inflamar.

Erros comuns no tratamento caseiro

Para tratar a unha levemente encravada e inflamada em casa é necessário tomar muito cuidado. É comum que as pessoas “cutuquem” a unha encravada com materiais não higienizados, o que acaba aumentando a inflamação. Por isso, chamar uma manicure em casa, ou ir até o salão é a melhor escolha.

5 cuidados que você deve tomar na hora de desencravar a unha

1- Use os materiais certos

O uso dos materiais corretos e a higienização dos mesmos é primordial na hora de tratar a unha encravada. A indicação de uma manicure para fazer o trabalho é sempre a melhor opção. Mas, se preferir fazer o procedimento sozinha é necessário estar atenta aos próximos cuidados.

2- Lave bem o local

Lavar bem o pé ou a mão onde a unha está encravada é o primordial para evitar inflamação. A higienização do local é importante e deixá-lo de molho também ajuda a evitar maiores danos.

3- Deixe a unha de molho

Deixar a unha de molho durante 15 a 30 minutos permite amolecê-la e impede que ela fique infeccionada. Por isso, sempre deixe o local mergulhado em água quente com sulfato de magnésio. 

4- Faça o procedimento com cuidado

Quando aplicar o passo a passo para desencravar, sempre realize o procedimento com muito cuidado. A leveza e precisão são muito importantes nesse momento. E, todo cuidado é pouco para evitar maiores danos e infecções. 

5- Faça um curativo

Após todo o processo é importante fazer um curativo para evitar o contato com bactérias e a volta da inflamação. Por isso, é sempre bom passar uma pomada anti-inflamatória e isolar o local. Gaze e esparadrapo são os mai indicados para esses casos. 

Como evitar que as unhas encravem

Use sapatos confortáveis

As unhas dos pés das mulheres estão sempre inflamadas. Passar o dia com um sapato desconfortável. Ou então ficar muitas horas com um sapato desconfortável. São diversos os motivos que causam a unha encravada. Mas, para evitar que os seus dedos sofram é importante se precaver. Use sapatos confortáveis e evite “cutucar” as unhas das mãos e dos pés.

Evite usar sapatos em casa

Usar sapatos em casa, além de desconfortável, pode acabar trazendo inflamação para os dedos. A unha encravada pode ser causada pelo uso constante de sapatos. Por isso, evite usá-los em casa. Priorize o uso de sapatos abertos dentro de seu ambiente familiar.

Evite cortar as unhas muito curtas

Roer unhas ou cortá-las muito curtas acaba causando o encravamento. Por isso, recorra a manicure, ou corte as unhas sempre deixando um pedacinho aparente. Cortá-las muito curtas, além de machucar os dedos, pode causar problemas de inflamação.

Faça manutenção com uma manicure

Se você não tem costume de visitar um salão e não gosta muito de sair e fazer as unhas, você pode pedir uma manicure em casa. Isso mesmo! A manutenção com a manicure é ideal para todas as mulheres, mesmo aquelas que detestam as idas ao salão. Existem serviços de manicure express. Basta baixar o aplicativo e agendar a visita. Rápido e prático e sem custos adicionais. Saiba mais aqui.

Evite tirar a cutícula sozinha

O maior erro das mulheres é ficar “cutucando” as unhas. Muitas pessoas desenvolvem “mania” de tirar cutícula. Puxar aquela pelezinha que parece inofensiva, ou roer aquele pedacinho de unha que está incomodando. Sinto lhe dizer, isso parece besteira, mas não é, e pode acarretar em uma inflamação ou encravamento. 

Por isso, sempre que precisar tirar a cutícula recorra a uma manicure. A profissional vai te ajudar a resolver todos os seus problemas da melhor maneira. E, somente ela sabe como fazer todo o trabalho sem danificar as unhas.

Gostou das nossas dicas? Agora é só aplicá-las e se livrar de uma vez por todas das unhas encravadas!

Close